Ansiedade Tem Cura - VIDA COM SAÚDE

Ansiedade Tem Cura

Ansiedade Tem Cura?

 

Podemos considerar a ansiedade um dos males do século, assim como um distúrbio constante da vida moderna.

Não é a toa que há muita gente recorrendo a medicamentos para driblar a ansiedade e poder viver dias melhores. 

 

A ansiedade tem estado presente no dia a dia de muitas pessoas, a vida corrida, trabalho, faculdade, filhos, muitas coisas para resolver, problemas e mais problemas que por muitas vezes acabam trazendo a ansiedade para a rotina das pessoas.

Confira a seguir se a ansiedade tem cura e saibam quais são os possíveis tratamentos.

Na maioria das vezes as pessoas tentam tratar a ansiedade com um suco de maracujá, um chazinho e receitas caseiras.

Isso até pode funcionar quando se tem um estresse pequeno, uma ansiedade normal.

Porém quando a ansiedade é incontrolável e chega ao nível de atrapalhar a vida ela deve ser tratada clinicamente.

Entre os principais sintomas da ansiedade estão:

Sensação contínua de desastre de algo ruim que vai acontecer;

Preocupações exageradas com a saúde, dinheiro, família ou trabalho;

Medo exagerado de ser humilhado publicamente;

Falta de controle dos pensamentos de preocupações, imagens ou atitudes;

Pavor de uma situação difícil, entre outros sintomas que variam de acordo com cada pessoa.

Quanto ao tratamento da ansiedade este deve ser feito através de medicamentos que regulam a produção de serotonina e ou noradrenalina que são neurotransmissores intimamente relacionados à ansiedade.

Além de que um acompanhamento psicológico é fundamental.

A ansiedade deve ser tratada com orientação médica, ela tem cura e pode ser controlada, porém é necessário um esforço.

Tomar tranquilizantes, antidepressivos e medicações funciona, porém não deve ser tratada sem acompanhamento médico.

 

Como Controlar a Ansiedade

 

Você é uma pessoa ansiosa? Saiba que isso pode ser uma doença e que existem vários métodos e remédios para controlar e até mesmo combater a ansiedade.

Porém saiba que existem vários graus de ansiedade, confira a seguir diversas dicas de como você pode combater a ansiedade para ter uma vida melhor no dia a dia e aprenda a controlar e conviver com ela.

Quem nunca se sentiu ansioso por saber de um resultado de alguma coisa, saber de uma resposta, saber de qualquer coisa rápida e não aguentar esperar e fazer algo para saber logo o que quer.

Isso é muito comum hoje em dia dentro da rotina frenética que as pessoas vivem diariamente.

Quando a ansiedade causa problemas ao se relacionar com as pessoas, problemas no trabalho, perder noites de sono e dificuldade em esperar até mesmo nas coisas pequenas e não conseguir mais controlar a ansiedade, ela deve ser tratada.

Para controlar a ansiedade podem ser tomadas algumas iniciativas do tipo:

Deixar de tomar um pouquinho de café, começar a respirar fundo quando a ansiedade chegar, tentar esperar mais as coisas que não necessitam de pressa, entre outras.

São as pequenas coisas que vão te ajudar a controlar a ansiedade aos poucos.  Por isso, se sente algo do tipo procure orientação com médico e/ou psicólogo.

Causas e Como Lidar com a Ansiedade

 

O mundo de hoje não para, a rotina diária do mundo é viver freneticamente.

As pessoas querem sempre tudo pra ontem, ficam sempre esperando resultados, soluções, respostas imediatas em todas as aéreas.

As pessoas não têm mais paciência para esperar nem a comida esquentar, querem comer logo, saber logo, ter tudo rápido na mão.

Essa rotina frenética faz com que as pessoas sejam ansiosas, elas não conseguem esperar as coisas acontecerem em seu ritmo natural.

Ninguém espera mais nada, ninguém consegue acompanhar ou respeitar o ritmo das pessoas.

A ansiedade envolve as emoções dirigidas ao futuro, seja um futuro de nos dois próximos minutos ou um futuro dos 2 próximos anos.

A ansiedade causa insegurança e insatisfação em não obter algo, em não obter uma resposta ou solução.

Em muitas pessoas a ansiedade também causa desconforto físico, stress, cansaço, e frustração.

Quando se espera muito uma coisa impacientemente e ela acontece ao contrário do que se espera pode gerar uma decepção.

Existem tratamentos que ajudam você a controlar e aprender como lidar com a Ansiedade.

 

Sintomas da Ansiedade

 

A ansiedade pode ser um transtorno mental quando atinge um nível excessivo de preocupação.

Muitas pessoas tem dificuldade para relaxar, não conseguem dormir direito, sentem que estão a ponto de explodir, cansam facilmente, não conseguem se concentrar, se irritam rapidamente, insônia, esquecimentos frequentes e até tensão muscular.

E muitos não sabem que todas essas coisas são sintomas da ansiedade.

Não aquela ansiedade natural que as pessoas sentem, mas uma ansiedade que traz inúmeros problemas de saúde.

Ansiedade também é conhecida como nervosismo, ânsia, e estes sinônimos são assim mais por causa dos sintomas da ansiedade.

A ansiedade em sua forma original, digamos assim, deve ser uma reação a momentos de perigo real ou imaginário e que é marcada por sensações corporativas, bem como características como sensação de vazio no estômago, coração batendo mais rápido, medo, aperto no peito, entre outras características e sintomas.

Mas, na sociedade atual, algumas pessoas sentem maior parte do tempo dessa forma, ou podem causar consequências desagradáveis.

 

Tipos de Sintomas

 

Entre os  sintomas de ansiedade estão  : medos, preocupações (muitas vezes exageradas), medos exagerados, sensação de que algo ruim vai acontecer, medo extremo e exagerado, falta de controle de pensamentos, imagens ou atitudes, favorecer o máximo que pode ocorrer no pânico. da intensidade; insônia, fadiga, confusão, tensão muscular e dores, dificuldade de relaxar, dificuldade de engolir, leve tontura ou vertigem, instabilidade e sensação de desânimo; vômitos e sensação de impotência.

Em alguns casos, como o da  ansiedade generalizada  ou do diagnóstico, pode ser confundido com o pânico ou fobia social.

Para um melhor  diagnóstico da ansiedade,  é extremamente importante prestar atenção nos hábitos diários e buscar orientação médica.

A ansiedade dependendo do seu nível pode ter consequências graves como transtorno de ansiedade, síndrome da ansiedade esquiva, transtorno do pânico, ataque de pânico, estresse, neuroses.

Essas consequências vão depender da intensidade da ansiedade e do indivíduo. OU seja, não significa que uma pessoa ansiosa possa ter alguns desses transtornos.

 

Tratamento da ansiedade 

O tratamento vai depender do grau de ansiedade e se alguém tiver algum transtorno acima da média.

O tratamento geralmente segue alguns caminhos:

  • medicamentos (que o indivíduo deve procurar um médico especialista, no caso de um psiquiatra que pode passar medicamentos usados),
  • psicoterapia (muitas psiquiatras recomendam não apenas medicamentos como também sessões de terapia que podem ser feitas também por psicólogos); ea
  • combinação destes dois procedimentos é bem possível. Muitas vezes, após o tratamento, você consegue lidar com uma ansiedade de forma que ela não atrai nada em sua rotina.

 

Remédios para Tratamento de Ansiedade

 

A ansiedade tem várias definições possíveis como sinônimo aflição, angústia, perturbações do espírito causadas pela incerteza, perturbações por motivos sem razão, entre outras denominações.

A ansiedade faz a pessoa entrar em ação, mas em excesso e de forma exagerada.

As causas são relacionadas à experiência de vida do indivíduo ou não são uma causa específica.

A sensação de ansiedade é bem desconfortável e para evitar esta dor nas pessoas acometidas pela ansiedade, evite até mesmo fazer alguma coisa ou fazer com que a depressão seja afetada. 

A maioria dos transtornos de  ansiedade podem ser tratados com remédios.

Mas antes de tomar qualquer calmante,  tranquilizante  ou antidepressivo, é fundamental buscar uma orientação médica. 

Primeiramente deve partir da pessoa acometida pela ansiedade por um tratamento que requer muita paciência, pois os sintomas não parecem uma hora para outra.

Como as  pessoas sofrem de ansiedade  muitas vezes passam por traumáticos, que fazem com que sempre exponham eventos de resultados incorretos sintéticos de uma forma segura, ou que gera.

O organismo sofre com isso através de palpitações, suor, aceleração da circulação.

Quais são os medicamentos para ansiedade que usam aqueles que são indicados para alguns transtornos relacionados com ansiedade que são:

transtorno do pânico,

fobia social,

transtorno obsessivo compulsivo (TOC),

transtorno do estresse pós-traumático (TEPT)

Transtorno de ansiedade generalizada  (TAG).

 

 

Tipos de Medicamentos

 

Os medicamentos receitados para ansiedade são: antidepressivos, usados ​​para tratar a depressão e que podem acometer uma pessoa com ansiedade ou seus transtornos relacionados.

exemplos de antidepressivos estão fluoxetina, sertralina, paroxetina, citalopram, entre outros medicamentos-princípios ativos.

Também são usados ​​os antidepressivos propostos e o ISRS fornece o uso de Transtorno de ansiedade generalizada.

Ainda existem medicamentos anti-ansiedade que são os benzodiazepínicos que têm resultados mais rápidos que os anti-depressivos.

Exemplos desses medicamentos: Clonazepam, Lorazepam e Alprazolam.

Como qualquer  remédio, anti-ansiolíticos ou anti-depressivos  tem seus efeitos causados.

Nenhum caso de benzodiazepinas com efeitos é: sonolência, tontura, mal estar estomacal, tremores, pesadelos, confusão e dores de cabeça.

Por ser medicamentos fortes e que não são tão comuns no corpo e a mente deve ser restritamente indicada por um médico.

O tipo de tratamento da ansiedade depende do nível de transtorno em que a pessoa encontra e prefere o tipo de tratamento determinado.

Cabe ao paciente e ao médico analisar e escolher o tipo de tratamento mais adequado.